Li – vivi

livrosDe tantas coisas boas que 2015 me trouxe (e não foram poucas), este ano que se finda hoje me fez olhar o mundo por outros olhos.

Foi um ano produtivo e embora me restasse tão pouco tempo livre, consegui mergulhar em grandes mundos, em lugares encantados, com pessoas corajosas, gente livre, gente presa.

Conheci histórias e algumas estórias cativantes, tive vontade de dar muitos abraços apertados em muitos personagens, chorei com alguns, senti raiva, nojo, dor, asco com outros e com isso acabei tecendo meu mundo, como se cada um deles contribuísse com alguma coisa para a minha vida, como uma colcha de retalhos onde peguei um pouco, a essência de cada um e me acobertei, aconchegada em todos eles. Ler me salva do mundo e eu li, vivi.

Livros lidos em 2015:

01 – A bibliotecária de Auschwitz – Antônio G. Iturbe

02 – 100 Aforismos sobre o amor e a morte – Friedrich Nietzsche

03 – A paixão segundo G.H. – Clarice Lispector

04 – O bicho da seda – Robert Galbraith

05 – 100 dias em Paris – Tania Carvalho

06 – Will & Will: Um nome, um destino – John Green/ David Levithan

07 – A alquimia do amor – Nicholas Sparks

08 – Mar de dentro – Lia Luft

09 – Crônicas de gelo e fogo (A tormenta de espadas) – George R. R. Martin

10 – Pequim em coma – Ma Jian

11 – Uma aprendizagem ou livro dos prazeres – Clarice Lispector

12 – A ameaça – Ken Follet

13 – Crônicas de gelo e fogo ( O festim dos corvos) – George R. R. Martin

14 – Vidas secas – Graciliano Ramos

15 – Água viva – Clarice Lispector

16 – 44 contos do mundo líquido – Zygmunt Bauman

17 – A teoria de tudo – Jane Hawking

18 – Laços de família – Clarice Lispector

19 – Para sempre Alice – Lisa Genova

20 – Fim – Fernanda Torres

21 – Nem eu – Michael Levigne

22 – A arte de viajar – Alain de Botton

23 – Objetos cortantes – Gillian Flynn

24 – O livreiro do alemão – Otávio Junior

25 – As aventuras de um coração humano – William Boyd

26 – O diário de nossa paíxão – Nicholas Sparks

27 – Fazendo meu filme antes do filme – Paula Pimenta

28 – O movimento romântico – Alain de Botton

29 – Uma curva no tempo – Dani Atkins

30 – O homem da fase quatro – Richard Steinberg

31 – um eterno réu dos meus pensamentos – Rafael Sarzi

32 – Chuva de outono – Barry Eisler

33 – Aqui é o melhor lugar – Cecilia Ahern

34 – Intergaláctica – F.P. Trotta

35 – Como eu era antes de você – Jojo Moyes

O que eu desejo para 2016 é construi outra colcha, uma maior, mais cheirosa, aconchegante onde eu possa descansar tranquila, construindo a minha realidade.

Anúncios

Um comentário sobre “Li – vivi

  1. Renata Cunha disse:

    Carol, um feliz 2016!! Que seja um ano maravilhoso, com muitas leituras e estudos pra gente!! 😀
    Esse ano li um pouco menos que você, encerrei o ano com 30 leituras..
    Beijocas

Vai, agora é a sua vez de falar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s