As aventuras de um coração humano – William Boyd

12053216_1212185172140260_519289957_nEste foi um livro que comprei pela capa e pelo título. É que nada sabia sobre a obra, tampouco sobre seu autor. Comprei numa feira de livros que o “projeto mais leitura” trouxe à minha cidade em julho.

As aventuras de um coração humano é o segundo livro que compro às escuras e não me arrependo. O primeiro foi “A sombra do vento” do Carlos Ruiz Zafón, quando este livro era desconhecido e não esse sucesso de hoje. (aliás, quem não leu, recomendo, assim como todos os livros do Zafón, que é mestre!)

Logan Mountstuart é um personagem interessante, escritor, de família classe média alta, morando numa Londres do início do século XX, poderia ser qualquer pessoa, era um homem comum e sujeito a todos os amores e dissabores que uma vida de verdade lhe/nos permite.

Logan foi tão bem construído, tão convincentemente humano que juro, procurei no google acerca dele, qualquer indício de que ele pudesse existir, livros escritos, artigos em jornais que ele publicou como correspondente, enfim, qualquer coisa que pudesse corroborar a teoria de que não era um simples romance, mas uma biografia romanceada de um homem que existiu. Mas Logan de fato existe em cada um de nós, com seus defeitos e grandes qualidades. Logan passou a existir no meu mundo após tê-lo conhecido.

William Boyd me surpreendeu em sua escrita simples, porém dotada de informações preciosas da vida intelectual europeia e suas nuances de pré e pós guerra mostrando as agruras daquele tempo com muita fidelidade, crise que custou carreiras belíssimas. Nessa obra temos contato com um mundo onde habitam Picasso, Hemingway, Virgínia Woolf, entre outras celebridades.

O livro, como o nome sugere é feito em forma de um diário que acompanhou Logan por sua vida e ele, dedicadamente relata seus dias, pensamentos, sonhos, projetos, medos e anseios. É possível se emocionar e dar algumas boas risadas com esse cativante personagem aristocrático, almofadinha e um pouco de jeitinho brasileiro, embora ele jamais soubesse disso. Ano a pós ano lendo seus dias, William faz com que sintamos íntimos de Logan, sentindo quase na pele seus momentos de dor, de perdas irreparáveis.

Tão humano que me peguei pensando em Logan durante o dia, em momentos que eu não estava lendo. Tão humano que agora estou com saudades.

Anúncios

2 comentários sobre “As aventuras de um coração humano – William Boyd

Vai, agora é a sua vez de falar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s