Iguais, apenas

O problema do mundo não é um só, mas gira em torno das mesmas questões, das mesmas situações, até que tudo se embaralhe e vire um nó. O problema do mundo é que todos se acham mais do que são, acreditam que só merecem o sim, nunca um talvez ou um não, que só eles são os donos da verdade e da razão. Acham que todos precisam se interessar pelo que se tem para falar, pelas piadas que se tem para contar, pelas mesmas selfies de sempre para postar, pelos mesmos versos bobos que se propõem a rimar.

Ninguém consegue se enxergar do tamanho certo, perceber que não existe normalidade quando olhada de perto, que estamos todos juntos, no mesmo barco, dividindo o mesmo teto. Ninguém consegue perceber que não é melhor que o vizinho, que não existe culpado para se estar sozinho, que conselho é bom, mas todo mundo precisa trilhar o seu próprio caminho. Ninguém consegue entender que ninguém é melhor que ninguém, que nem todo mundo termina a reza com amém, que nem toda história vai terminar da maneira que melhor lhe convém.

As pessoas acreditam que são mais inteligentes, conscientes, mais bonitas, pertinentes, mais iguais do que os outros diferentes. As pessoas acreditam que são as tais, peças centrais, mais especiais do que os outros banais, mais interessantes do que os pobres mortais, mais intensas do que fenômenos naturais. As pessoas acreditam que são a solução para toda equação, o sujeito de toda oração, o centro da atenção, do picadeiro, a musa inspiradora de qualquer poema, de qualquer canção. Desculpa, mas saiba: não somos não.

Anúncios

Vai, agora é a sua vez de falar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s