Das ausências

É interessante o que as pessoas falam sobre a ação do tempo na saudade. Na verdade, o tempo não ameniza nada, mas nos habitua com a ausência. A ausência nos incomoda como aquela dorzinha constante que a gente não nem presta mais atenção, mas ela está ali presente, sempre persistente.

 

Anúncios

Vai, agora é a sua vez de falar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s