Wort

Em nenhuma civilização há instrumento mais importante que a língua. Deus, na sua tentativa de confundir os povos, os dividiu fazendo brotar uma das coisas mais intrigantes. O idioma. Cada um de seu jeito, cada um mais curioso que o outro. O pátrio, não importa quantos se aprenda, é sempre o mais importante. É ele, o idioma que confere a cada povo, cada nação uma singularidade. Nos sotaques, nas pronuncias e nas expressões cada um se torna particular, único, encantador e misterioso. A língua de cada tribo, povo e nação abriga sua história, cultura costumes. Não há nada mais bonito, mais importante, que tal registro.

Ferramenta precisa é a palavra, tal como um bisturi ela abre, fura, fere e pode até salvar. A palavra é a ponte da qual tudo precisa passar para ter algum valor reconhecido. É através dela que a gente faz parte do mundo e também é com ela que temos a possibilidade de conhecer universos paralelos, viajar em mundos criados por outras palavras.

Palavras são tudo o que temos. Não importa se mordazes ou afáveis, as palavras sempre nos salvam, as vezes, de nós mesmos. Clarice Lispector disse coisa parecida. Disse que escrevia para salvar o mundo, escrevia talvez pra salvar-se dela mesmo. Hoje, relendo sua biografia escrita por Benjamin Moser (Clarice, ), vejo o quanto ela amava as palavras e o quanto as palavras salvaram-na, talvez ela nunca tenha se dado conta disso, talvez ela jamais admitisse.

A palavra é tudo o que eu tenho. Tanto que amei, quase me perdi. Usei e abusei, quase me esvaziei. Pelas palavras eu nasci, por elas quase matei. O que matei em mim, de palavra nasceu, também por palavras morreu.

Anúncios

Vai, agora é a sua vez de falar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s